Itinerário de Doces Portugueses

Introdução

immagine1O clima ameno, 3000 horas de sol por ano e 850 km de esplêndidas praias banhadas pelo oceano Atlântico fazem de Portugal um destino perfeito para todas as estações, a poucas horas de viagem de qualquer capital europeia.

Neste país que tem as fronteiras mais antigas da Europa, encontra-se uma grande diversidade de paisagens a curta distância, muitas atividades de lazer e um património cultural único, onde a tradição e a contemporaneidade se conjugam em harmonia. A gastronomia, os bons vinhos e a simpatia dos portugueses completam uma oferta de serviços turísticos de qualidade, seja para um fim de semana ou para umas férias mais prolongadas.

Mapa da tour

Programa detalhado

Lisboa

immagine2Lisboa capital de Portugal desde a sua conquista aos Mouros em 1147, é uma cidade lendária com mais de 20 séculos de história. Conhecida como a cidade branca, graças à sua luminosidade, possui uma atmosfera e um clima que proporcionam maravilhosos passeios por toda a cidade. Um céu radioso ilumina a cidade monumental, com fachadas de azulejos e estreitas ruas medievais, onde à noite se pode ouvir o fado. A cidade é também o palco de festas populares, local de compras especiais, divertida vida noturna e interessantes museus, uma cidade com várias opções. Lisboa estende-se ao longo da margem direita do rio Tejo, a Baixa situa-se numa zona oitocentista em torno do Rossio. Para Este das Arcadas da Praça do Comércio ficam os bairros medievais Alfama e Mouraria, com o magnífico Castelo de São Jorge no topo.

Assistência pelo guia nas formalidades de desembarque transfere de metro para o hotel onde ficarão alojados.

Durante a tarde, passeio a pé pelo centro da cidade. Jantar e alojamento na Pousada da Juventude.
Lisboa – Estoril – Lisboa

immagine3Após o pequeno-almoço iniciamos a visita à famosa Confeitaria Nacional fundada em 1829 e o grupo terá a oportunidade de provar o mundialmente reconhecido Bolo Rei, servido normalmente na altura do Natal e do Ano Novo. É um bolo de forma redonda com um buraco no meio, resultante de uma massa branca e fofa junto com uvas passas e fruta cristalizada. Depois desta prova deliciosa, continuaremos até à famosa Fábrica dos Pastéis de Belém, também considerada “pedra de toque” da doçaria portuguesa. Os pastéis de Belém estão à venda desde 1834 e a sua fama já passou além-fronteiras, levando o nome de Portugal e da doçaria conventual nacional por esse mundo fora. Um pastel de massa folhada bem crocante e com cobertura de nata gratinada, cujo segredo de confeção apenas é conhecido por 2 ou 3 pasteleiros da famosa Fábrica dos Pasteis de Belém. O que se sabe é que o delicioso pastel de massa folhada é recheado com um creme feito com leite, ovos e baunilha, pois a sua receita é segredo.

Almoço durante as visitas. Durante a tarde, visita à Escola de Hotelaria e Turismo no Estoril onde os estudantes irão ter conhecimento do sistema de ensino Português. Retorno ao hotel com uma vista panorâmica sobre o Rio Tejo. Jantar e alojamento em Pousada da Juventude.
Lisboa – Sintra – Óbidos

immagine4Depois do pequeno almoço, transfere para Sintra com a sua imponente serra salpicada de palácios, igrejas e quintas senhoriais, que se estende em ondas de verde até ao oceano, o fascínio dos aglomerados urbanos da Vila Velha, da Estefânia e das aldeias que dão colorido à charneca saloia, constitui, sem dúvida, um local privilegiado por excelência de inegável beleza e interesse cultural e natural. Almoço em restaurante local e posteriormente paragem para prova de Queijadas de Sintra que são compostas por um delicioso recheio à base de queijo fresco, açúcar, ovos, farinha e canela, envolvido numa massa crocante e estaladiça. São ícones gastronómicos desta região, e consta que a receita destes doces nasceu no Convento da Penha Longa, pelas mãos do frei João da Anunciação.

Após esta deliciosa prova, regresso para Óbidos, onde terão tempo livre para conhecer as ruas desta encantadora vila. Jantar e alojamento em Hotel Louro.
Óbidos – Caldas da Rainha – Alcobaça – Óbidos

immagine5Saída para Caldas da Rainha onde visitamos o mercado de frutas e legumes realizado na Praça da República, onde no próprio empedrado da praça estão desenhados os espaços que os feirantes vão ocupar com as suas bancas. É um espetáculo colorido e animado e a oportunidade para apreciar algumas das melhores produções das regiões vizinhas como é o caso da Pêra Rocha. Após a visita provamos doçaria típica tal como: Cavacas das Caldas, Beijinhos ou Trouxas de Ovos. Almoço.

Continuamos para a Alcobaça, onde será visitado o mosteiro que evoluiu num crescendo cultural, religioso e ideológico. A sua monumentalidade é tanto mais evidente quanto mais límpida e austera é a sua arquitetura. Trata-se, de resto, do primeiro ensaio de arquitetura gótica em Portugal: um modelo que ficou sem imediata continuidade e que não foi reproduzido a não ser muito mais tarde, funcionando como um pólo quase isolado, uma jóia branca na paisagem.

immagine6Entre 17 a 20 de novembro ocorre no mesmo sítio mostra de doces e licores conventuais, divulgando a tradição gastronómica herdada dos Monges e Monjas Cistercienses dos Conventos de Alcobaça e Cós. As delícias sedutoras, criadas através de múltiplas experiências, de longa prática e dedicação, de paciência e devoção, assim como os licores que ao longo dos séculos foram rodeados de secretismo, podem ser aqui degustados. Jantar em restaurante local.

De modo a incluir um momento cultural de música, o grupo irá participar num concerto da Orquestra Metropolitana de Lisboa dedicado ao artista e compositor austríaco Wolfgang Mozart no Santuário Senhor Jesus da Pedra. Alojamento em Hotel Louro.
Óbidos – Almourol – Castelo de Vide – Marvão – Évora

Após o pequeno almoço, Almourol, onde terão oportunidades em tirar fotografias do seu castelo. De seguida visitam Castelo de Vide, conhecida por “Sintra do Alentejo”, tal é o seu encanto e esplendor, uma das localidades mais românticas da região Alentejana. Durante o almoço provam o doce típico alentejano; sericaia com ameixa em que há uma abundante utilização de ovos e canela. Há quem diga que a sericaia é oriunda da Índia e outros que vem do Brasil – o que se sabe ao certo é que esta receita foi implementada no Alentejo pelas mãos habilidosas das freiras do convento de Elvas e de Vila Viçosa, reclamando ambos para si os direitos da sua importação. Umas deram-lhe o nome de Sericaia e outras de Sericá, sendo que a tradição está mais ligada a Elvas, onde o doce é decorado com as famosas ameixas da região.

Ainda antes de regressar a Évora, paramos em Marvão, vila rodeada por muralhas do século XIII e ruas estreitas no alto da Serra de S. Mamede com panorâmica fantástica do alto Alentejo. Jantar e alojamento na Pousada da Juventude.
Évora

immagine7Depois do pequeno almoço, iniciaremos uma visita a pé pelo centro da cidade de Évora, com destaque para as Muralhas, a Praça do Giraldo, praça central da cidade histórica, centro político e religioso e, atualmente, o maior espaço de atividade social da cidade.

Visita à fábrica FRA Doces com a possibilidade de cake design. Este é um dos principais produtores de doces em Évora servindo milhares de clientes em todos os tipos de celebrações.

Almoço em restaurante local. Depois do almoço, visita à Adega Cartuxa (Azeite e Vinhos), um ponto de referência regional desde 1776, localizado na Herdade dos Pinheiros.

O dia irá terminar com atividades de lazer e jogos tradicionais. Jantar e alojamento em pousada da juventude.
Évora – Lisbon…
immagine8Pequeno almoço e check out. Transfere para o Aeroporto Internacional de Lisboa Humberto Delgado. Assistência nas formalidades do check-in.

Evaluation of the tour

Please, support us in constantly improving our sweets itineraries. Click on the correct link here below and complete a short evaluation questionnaire.